Aeronáutica – Como ingressar? Quem pode prestar concurso? Cargos e Salários

Aeronáutica é o nome comumente utilizado para designar a FAB (Força Aérea Brasileira), que pertence às Forças Armadas do Brasil. Tal órgão foi formado quando uniram outros dois, o Exército e a Marinha.

O papel da Aeronáutica é manter a soberania do espaço aéreo nacional, para defender a pátria. Curiosamente, a primeira atuação da FAB de relevância no cenário internacional foi durante a Segunda Guerra Mundial, quando participou da Força Expedicionária Brasileira, que lutou com os Aliados na Campanha da Itália.

Hoje, a Aeronáutica do Brasil se consolidou como a maior força aérea do hemisfério sul, além de ser a segunda maior da América, perdendo somente para a Força Aérea dos Estados Unidos.

A FAB oferece vários cargos para interessados em ingressar no órgão. Confira, a seguir, quais são essas funções, média salarial de cada uma delas e como fazer para trabalhar na Aeronáutica.

aeronautica 2

Quais são as formas de ingresso na Aeronáutica

Existem duas formas de entrar na Aeronáutica, sendo uma delas pelo serviço militar obrigatório. Neste caso, após processo de seleção previsto por lei, o jovem alistado ingressa como soldado na Força Aérea do Brasil, podendo chegar até o cargo de cabo. Em casos assim, é possível permanecer até 8 anos na FAB.

Outra forma de ingresso é por meio de concurso feito para uma das escolas da FAB. Ao todo, são realizados mais de 20 processos seletivos por ano. O candidato aprovado segue carreira no órgão, passando por cursos de formação para então exercer o cargo escolhido.

Quem pode prestar concurso para a Aeronáutica?

A Força Aérea do Brasil oferece oportunidades para civis e militares, abrangendo pessoas a partir de 14 anos até 42 anos. Um detalhe interessante e que vale reforçar é que homens e mulheres são recrutados regularmente. O único cargo que não é destinado ao público feminino é o de infantaria, que consiste no combate direto e é restrito aos homens.

Quais são as escolas da FAB

A Força Aérea Brasileira oferece várias escolas de formação de profissionais, sendo que elas são escolhidas pelos candidatos no momento da inscrição no concurso. Cada escola é destinada a um perfil diferente, desde o ensino fundamental até o superior. Atualmente, há as seguintes escolas:

1) Para jovens do ensino fundamental

  • CPCAR (Curso Preparatório de Cadetes do Ar);

2) Para jovens do ensino médio

  • CFOAV (Curso de Formação de Oficiais Aviadores da Aeronáutica);
  • CFOINF (Curso de Formação de Oficiais de Infantaria da Aeronáutica);
  • CFOINT (Curso de Formação de Oficiais de Intendentes da Aeronáutica);
  • CFS (Curso de Formação de Sargentos da Aeronáutica);
  • ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica);
  • QSCon (Quadro de Sargentos Convocados).

3) Para pessoas com graduação

  • CADAR (Curso de Adaptação de Dentistas da Aeronáutica);
  • CAFAR (Curso de Adaptação de Farmacêuticos da Aeronáutica);
  • CAMAR (Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica);
  • EAOAP (Estágio de Adaptação de Oficiais de Apoio da Aeronáutica);
  • EAOEAR (Estágio de Adaptação de Oficiais Engenheiros da Aeronáutica);
  • EIAC (Estágio de Instrução e Adaptação de Capelães da Aeronáutica);
  • QOCOn (Quadro de Oficiais Temporários).

Quais são os cargos e salários da Aeronáutica

Interessado em tentar concurso e construir carreira na Aeronáutica, mas não sabe quais são os cargos disponíveis e o soldo (salário) pago? Veja, a seguir, uma lista com as principais funções e valores mensais de remuneração:

  • Primeiro sargento: R$ 5.110,00
  • Segundo sargento: R$ 4.445,00
  • Terceiro sargento: R$ 3.584,00
  • Suboficial: R$ 5.751,00
  • Cabo engajado: R$ 2.449,00
  • Cabo não engajado: R$ 886,00
  • Soldado de primeira classe: R$ 5.110,00
  • Soldado de segunda classe: R$ 4.445,00
  • Soldado de terceira classe: R$ 3.584,00
  • Taifeiro de primeira classe: R$ 2.203,00
  • Taifeiro de segunda classe: R$ 2.094,00
  • Capitão de mar e guerra: R$ 10.832,00
  • Capitão de fragata: R$ 10.642,00
  • Capitão: R$ 8.517,00
  • Primeiro tenente: R$ 7.796,00
  • Segundo tenente: R$ 7.082,00
  • Coronel: R$ 10.832,00
  • Tenente coronel: R$ 10.642,00
  • Major: R$ 10.472,00
  • Almirante e marechal do ar: R$ 13.294,00
  • Tenente brigadeiro: R$ 12.763,00
  • Brigadeiro: R$ 11.833,00

É importante salientar que esses são valores padrões e que a cada início de ano há uma atualização salarial. Se for galgando cargos mais elevados na Aeronáutica, a remuneração é maior, correspondendo ao nível de responsabilidade do profissional.

Para cargos iniciais, como o de aprendiz, a remuneração base é de cerca de R$ 1 mil, por exemplo. Esse mesmo profissional pode, com o passar dos anos, dedicação e aprovação em processos seletivos internos, chegar a ganhar até aproximadamente R$ 14 mil por mês.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply